Existem modelos de compressores que são especificamente direcionados a indústria, sendo fabricados para suportarem as mais diversas pressões para locais que precisem de ar. Este equipamento possui um tanque grande com sua capacidade variando de 20 a 80 litros.

Podemos definir o compressor de ar industrial como um multitarefas sendo utilizado de diversas formas para a compressão do ar aumentando a potência.

Cada modelo varia a sua forma de trabalhar, podendo ser definido basicamente em três tipos, sendo eles:

  • Compressor alternativo – O mesmo comprime o ar com uma espécie de pistão mantendo o tanque armazenando, o que pode apresentar até dois estágios.
  • Compressor rotativo – Neste modelo temos dois parafusos rotativos que são colocados no lugar dos pistões, quando os parafusos fazem o giro há uma compressão do ar que é empurrado ao tanque colocando o compressor para funcionar.
  • Compressor centrifuga – O compressor centrifuga serve para quando o compressor possui a necessidade alta de mais energia.

Os compressores deixam o ar compacto quando se é necessário, gerando uma pressão automática.

Quando o mesmo é aplicado são chamados de indução forçada, fluindo o motor.

Fazendo assim com que os lóbulos comecem a encaixar-se nas ranhuras. Os gases emitidos serão unidos em V que atuam nos fios ao fim de sua sucção.

Não existe uma descarga de sua compressão, pois não existem válvulas, mas o que determina quando isso acontece são as aberturas, uma que serve para a descarga radial que trabalha no fim de uma válvula de deslizamento. Deve-se atentar ao posicionamento de descarga, pois é o mesmo que faz o controle da pressão.

O descarregamento chega ao fim quando se tem o espaço ocupado pelo gás no rotor macho, pois este modelo de descarga serve para este tipo de compressor e com uma vantagem a mais, pois o mesmo aguenta uma pressão muito maior.

Em sua instalação deve-se ter cuidado para que se tenha facilidade na instalação e manutenção.

Os compressores possuem poucas peças moveis sem válvulas e trabalham com temperaturas baixas e que não precisam de manutenção sempre o que torna o compressor praticamente nulo de vibração o que aumenta a vida útil.

E em sua instalação deve-se coloca-lo em diferentes lugares longe de paredes e pisos nivelados.

Por isso deve-se sempre atentar a qual modelo de compressor de ar industrial é o mais indicado e como o mesmo trabalha, pois com uma escolha errada você pode ter problemas no seu dia a dia.

O texto acima "Compressor de Ar Industrial" é de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal. – Lei n° 9.610-98 sobre direitos autorais.